quinta-feira, 29 de outubro de 2015

Bienal do Livro Rio 2015 - Eu fui

Pois é, minha gente. O post sobre a Bienal desse ano só veio hoje, mais um de mês depois desse evento magnífico que ocorreu entre os dias 03 e 13 de setembro aqui no Rio de Janeiro. Motivo? Inúmeros contratempos que aconteceram nos últimos dias (e que não convém comentar aqui senão o post vai ficar chato). Vamos então ao que interessa?!

A Bienal do Livro Rio desse ano foi pra mim, sem dúvida, a das maiores aventuras - assim como foi a de São Paulo do ano passado (confira o post clicando aqui *-*). Pude ir ao evento dois dias e digo com todas as letras: foram os melhores dias do mês pra mim \0/
O primeiro dia que visitei a Bienal foi 05 de setembro, primeiro sábado de evento. Eu havia combinado de ir com uma amiga mas no final das contas acabei indo sozinha. Sem desanimar, cheguei lá, fui ao local de credenciamento (meu primeiro ano com credencial - de livreira dessa vez; espero ir com o de professora nas próximas *-*), coloquei meu cracházinho e entrei na Bienal já cheia (por volta das 12h). Imediatamente corri para o estande da Loyola, onde poderia comprar o quarto volume da série Os Dragões de Titânia (as resenhas dos livros 1, 2 e 3 vocês encontram respectivamente aqui, aqui e aqui), o primeiro da série Crônicas de Leemyar e encontrar com os autores mais legais e divertidos do mundo: Renato Rodrigues e Eddie Van Feu (autores das respectivas séries).
Eu e eles <3 O Renato me reconheceu quando eu estava passando pelo estande deles *-*

Após adquirir meus dois livrinhos, aproveitei enquanto os autores não chegavam ao estande para dar uma volta pela Bienal. Visitei os estandes da Panini (Mônica <3), Intrínseca, Rocco, Galera Record, Saraiva, Leitura... eis então que, ativando a Internet lenta (porém útil :P) do celular, descubro que meus amigões estão indo pra lá. Corri pra entrada do evento para aguardá-los (já com as costas doendo de carregar o peso dos livros XD) e aí foi só alegria \0/ Bienal já uma coisa boa... com amigos então?!
Aproveitamos que ainda estava cedo e fomos andando pelos estandes dos três pavilhões, visitando um por um *------* (cada bolha nos meus pés valeu à pena XD).
Conhecemos o "Maurício de Sousa do futuro" - nosso ídolo da vida holográfico *-*
Visitamos Hogsmead - antes que aquele corredor com o painel da Rocco lotasse XD
Conhecemos também esses robozinhos super simpáticos *-*
E ainda tirei foto com as emoções <3

Saímos da Bienal por volta das 20h (nunca saí de lá tão tarde O.O) e só consegui chegar em casa meia-noite... mas foi a melhor Bienal da minha vida \0/

No segundo (e último, infelizmente :S) dia que eu fui à Bienal saí de casa bem cedinho para me encontrar com minha tia. Dessa vez eu queria chegar lá assim que abrisse por um único motivo: consegui autógrafo da Sophie Kinsella <3 Chegaos lá tão cedo que os portõs do Riocentro ainda estavam fechados, mas já tinha um monte de gente lá esperando pra entrar (por causa de autógrafos de outros autores que iriam também naquele dia). Quando finalmente entramos lá, me deparei com a quantidade de pessoas indo pegar senha pros autógrafos e desisti do meu autógrafo. Era tanta gente que eu tinha quase certeza que não conseguiria a senha; fora que, se eu conseguisse, iria perder aquele dia de Bienal inteiro, já que ia passar o dia na fila. Conclusão: aproveitei muuuuuito a Bienal com minha tia - e mais tarde também com os amigos do Clube do Livro \0/ -; já que estava cedo, deu para andarmos tranquilamente pela Bienal e tirar muitas fotos (até do trono de "Guerra dos tronos" eu consegui *-*)
The Queen of... cats?! <3
A entrada linda do estande da Novo Conceito - dentro dos livros *-*
Com a família do Banana *-*
Argentina, o país homenageado desse ano *-*
#BienalRio2015
Mônica e Sansão *---*

Ainda dei uma sorte de encontrar essas escritoras maravilhosas por lá. Enfim conheci a linda e fofa da Carolina Munhóz e aproveitei para comprar mais um livro dela (A fada) para autografar (pena que não tinha levado o Inverno das fadas pra ela autografar :/)
Ela é muito fofa, gente <3
O Rapahel Draccon também estava lá no estande da Leya autografando e o box da série Os dragões de Éter estava em promoção, mas acabou que não deu pra comprar, então o autógrafo e foto com ele ficarão pra próxima ;)
Depois fomos ao estande da Gutenberg para pegar um autógrafo da Leila Rego pra uma amiga - e também escritora *-* (A Nath - vocês conferem a resenha de dois dos livros dela aqui e aqui e da coletânea de contos que ela fez parte aqui); aproveitei para tirar foto com ela também, claro XD
Muito fofa e simpática. Espero um dia ler os livros dela - me interessei por todos *---*
Ainda no estande da Gutenberg, encontrei por acaso a Fernanda Nia, que faz as tirinhas divertidas e inteligentes do Como eu realmente... (visitem o blog dela, gente. As tirinhas são puro amor <3), lançou o primeiro livro das tirinhas dela ano passado (já falei desse livro aqui no blog quando o comprei) e esse ano lançou o volume dois. 
Ela é fofa demais \0/ Como a Niazinha <3
Como eu já tinha o volume um, levei-o para o caso de conseguir encontrá-la lá e aproveitei para autografar meu exemplar:
Meu livro autografado e com desenho da Srta. Garrinhas <3

Após pegar autógrafos, tietar essas escritoras lindas e andar (de novo \0/) pela Bienal inteira, já estávamos com cansadas e com fome. Como eu havia combinado de fazer um mini piquenique com o Clube do Livro, corri a procurar o pessoal para fazermos nossa comilança *-*
Galera pronta pro lanche *-*
Selfie do piquenique do Clube \0/

Terminada a comilança e o reencontro do Clube, chegou a hora de irmos embora (buááá). Fomos pegos por uma chuva daquelas, mofamos na fila do ônibus que saía do Riocentro, e na base de conversas, risadas e comentários sobre os livros que compramos, nos despedimos dessa edição maravilhosa e memorável da Bienal do Livro Rio. Agora, até 2017 ;)

------------------------------
Pensa que acabou?! Nop! Agora vem a parte boa: os livros e HQs que eu comprei nessa edição *-* 
Dessa vez não comprei muitos porque não queria carregar peso, não vi taaantas promoções e o dinheiro tinha acabado XD Anyway, vamos aos livros *-*
Os livros Crônicas de Leemyar - O necromante e Os dragões de Titânia - A maldição dos templos, da Eddie e do Renato, respectivamente
Os dois autografos <3
Livro da Intrínseca em promoção, como resistir?! Estava querendo comprar esse livro desde seu lançamento no ano passado, mas acabei não comprando-o na ocasião, então não pude deixar de levá-lo quando vi-o no estande da editora com uma promoção muito boa. A propósito, a Intrínseca era uma das únicas com promoções excelentes.

Fiquei sabendo do lançamento desse livro quando soube que a autora viria para a Bienal. Eu já "conhecia" pela série A maldição do tigre, que ouço só elogios e até tenho vontade de ler um dia; mas quando descobri essa nova série dela sobre mitologia egipcia... foi amor à primeira vista <3 Não peguei autógrafo dela porque seria muito tarde e também pelo mesmo motivo da Sophie: filas imensas, perder o dia de Bienal numa fila, etc... Mas, de qualquer forma, estou ansiosa para ler esse livro *-*
O livro A fada, da Carol Munhóz, que comprei lá
E o autógrafo *-* Ansiosa para ler esse também *----*
Comprei esse livro por três motivos: achei a história interessante, queria ler outros livros da Sophie e queria pegar o autógrafo da autora. Não consegui pegar o autógrafo mas valeu à pena ter comprado o livro. Sem dúvida, uma das melhores leituras que fiz esse ano. Em breve trarei a resenha deles aqui pra vocês ;)
Enquanto procurava o livro da Sophie no estande da Galera Record acabei encontrando esse livro. Já tinha visto ele no facebook da editora e estava curiosa para saber como ele era. Abri, folheiei, me encantei; vi que estava em promoção e não resisti: comprei. Me julguem u.u Depois falarei mais dele aqui, aguardem ;)
Por fim, mas não menos importante - por motivos óbvios -, os HQs "Star Wars Legends" <3 Estava querendo comprar essas HQs há um tempinho mas nunca encontrava os primeiros. Então, quando fui ao estande da Panini, eles estavam lá, lindos e me esperando. Comprei alguns no primeiro dia e no segundo dia comprei os que faltavam no estande da Comix <3 Só ficou faltando o número 9 porque não achei em ambos estandes, então vou ter que recorrer à Internet depois :P

E essa foi minha aventura na Bienal do Livro Rio 2015. Não foi como eu esperava mas com certeza foi muito melhor \0/ (exceto pelo fato de eu não ter encontrado a Lu Alves lá :S)
E vocês, visitaram a Bienal do Livro Rio desse ano? O que acharam? Ansiosos para as próximas? Deixem nos comentários ^-^

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Resenha {Livro} - Os dragões de Titânia - A dama da montanha (Renato Rodrigues)

Depois de ter lido os dois primeiros livros da série fantástica do autor tão fantástico quanto, Renato Rodrigues, há dois anos (logo após a Bienal do Livro Rio 2013), finalmente retomei a leitura dessa série incrível! E o único arrependimento que tive até agora foi de não ter lido antes (maaaaas, tenho um bom motivo: aguardava ansiosamente o lançamento do quarto livro da série, o qual pretendo ler ainda esse ano *-*). Divagações à parte, vamos à resenha.

De volta ao reino de Titânia, na Pensão da Adria - agora sede do grupo Os  Dragões de Titânia, os intrépidos heróis buscam agora respostas sobre as Doze Armas Mágicas e a Ilha do Destino. Após obterem pistas de uma misteriosa rainha, os heróis procuram a Dama da Montanha, que supõem que lhes dará informações sobre as tais armas. Entretanto o grupo não contava com as inúmeras missões que teriam pela frente, sejam elas de caráter pessoal ou não. Tendo de dividirem-se muitas vezes para cumprirem tais missões, os Dragões terão suas habilidades colocadas à prova, e escolhas difíceis que determinaram o rumo de seu futuro incerto.

"- Nós sempre estamos vivos em algum lugar. A morte é apenas a porta para mudar as circunstâncias e recebermos outros destinos! Você tem a chance de decidir agora o que vai fazer."
(Renato Rodrigues, p.136)

Com um tom mais sério que as histórias anteriores, porém sem deixar de lado o bom humor característico das aventuras do grupo de heróis, o terceiro livro da série Os Dragões de Titânia mostra já nas primeiras páginas à que veio, com muita ação, aventura e trapalhadas do começo ao fim.

"- Dêem o seu melhor! Decidam seu próprio destino! Escolham o melhor caminho e fiquem nele! Essa é a chave para suas dúvidas! - disse Shim'tar se despedindo."
(Renato Rodrigues, p.242)

Preparem-se para incríveis reviravoltas (que me fizeram perder o sono imaginando como aquilo podia ter acontecido), situações onde as escolhas de cada personagem determinará a continuação da incrível trama, com os personagens que já conhecemos (e amamos) e outros igualmente cativantes.

Meu exemplar autografado. Amo <3

E essas ilustrações lindas?! Nesse volume veio um mapa com a cidade natal dos personagens *----*

268 páginas | 1° edição | 2013 | Linhas Tortas



Lançamento de Talvez Nunca Mais um País, de Flavio P. Oliveira

A Delirium Editora, a Blooks Livraria e o Flavio P. Oliveira convidam vocês para a noite de autógrafos e lançamento oficial de "Talvez Nunca Mais um País", a distopia nacional que vem dando o que falar. Apareça lá para ter seu livro autografado, bater um papo, tirar uma foto com o autor e receber alguns brindes.
O evento será no dia 05 de novembro (quinta-feira), das 19:00 às 22:00, na Blooks Livraria — Praia de Botafogo, n° 316 (Espaço Itaú de Cinema), com estacionamento na Praia de Botafogo, n° 348 (esquina com a rua Visconde de Ouro Preto). Fica bem perto do metrô, pertinho do Botafogo Praia Shopping, e o livro será vendido, durante o evento, por R$27,00, o preço normal de catalogo.
Por favor, convidem os amigos, compartilhem o evento etc. Vamos encher a livraria de alegria.
--
Confirme presença no evento no Facebook clicando aqui.

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Conheça Sebo Fernandes, de L.L. Alves

Olá, pessoal! Hoje temos mais uma novidade incrível da escritora L. L. Alves, autora do romance juvenil Mudanças, do chick-lit As Grandes Aventuras de Daniella e da saga fantástica Instituição para Jovens Prodígios: ela irá lançar Sebo Fernandes, seu romance new adult na plataforma Wattpad, totalmente de graça!

Com o sucesso de As Grandes Aventuras de Daniella, a autora resolveu investir novamente nesse formato e deixará disponível gratuitamente o seu romance dramático que lida com depressão, perdas, relação entre mãe e filha e um romance improvável de acontecer. Afinal, quem nunca sofreu de depressão ou conhece alguém que enfrenta essa doença todo dia?

Dê uma chance a esta história e viva intensamente ao lado de Luciana Prestes.
A autora já deu um gostinho do que está por vir e liberou alguns capítulos. Em breve começarão as postagens semanais. Fiquem ligados!

[Capa Temporária]

Título: Sebo Fernandes
Autor: L. L. Alves
Ano: 2015
Sinopse:
Luciana Prestes tem dezoito anos e perdeu a capacidade de se relacionar com as pessoas. Prefere a monotonia do quarto e o aconchego dos livros a festas lotadas ou idas ao cinema. Não é mais a mesma desde o falecimento súbito do pai, que deixou-a com uma mãe depressiva e instável, ambas à mercê de um relacionamento conturbado. Luciana decide se isolar e se fecha em seu próprio mundo, dentro de sua própria bolha, ao lado de personagens intrigantes e fictícios.
Ao término do ensino médio, contudo, Luciana recebe a proposta de Rosângela, sua antiga professora de português, para estudar em um cursinho pré-vestibular com o apoio de Henrique, seu sobrinho recém-formado em Letras que prende sua atenção desde o primeiro instante. Entre perdas e dificuldades, Luciana se encontrará no antigo e maravilhoso Sebo Fernandes, e irá descobrir que o sonho de ser uma revisora profissional não está tão longe de se realizar.
Será que Cristiane finalmente deixará de importuná-la? Seu medo de se relacionar continuará o mesmo na presença do sedutor Henrique Fernandes? Entre discussões com a mãe e estudos regados a olhares provocantes, ela não será mais a mesma.
Luciana Prestes vive em uma bolha... E ela está prestes a estourar.

Adicione ao Skoob
Leia de graça pelo Wattpad 

--------------------------------------------

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Resenha {Livro} - Instituição para jovens prodígios - A seleção (L.L. Alves)

Lara Müller, uma jovem carioca, levava uma vida relativamente normal. Filha de pais trabalhadores e amorosos dividia seus dias entre as aulas do último ano do Ensino Médio - fáceis para a garota, que sempre fora muito inteligente - e a companhia da família - seus sempre unidos pais e seus irmãos mais novos.
Num dia comum como qualquer outro, a mãe de Lara vê uma reportagem na TV sobre uma instituição britânica de estudos, a Institute for Young Prodigy, que recentemente abrira vagas para estudantes do mundo todo, incluindo o Brasil. Vendo que esta seria a oportunidade perfeita para a filha estudiosa, a mãe da garota conta-lhe tudo o que vira. Lara logo fica empolgada e ao mesmo tempo temerosa, afinal seria uma oportunidade e tanto – estudar em outro país com tudo pago – mas ter que deixar para trás sua querida família; sem contar com o teste dificílimo para admissão na instituição. Para completar, a garota sentia-se triste por ter que deixar seu amor recém descoberto: Lucas, seu melhor amigo desde sempre que amava-a muito antes dela perceber.
Apesar da dúvida se devia ou não fazer o teste, Lara decide fazê-lo, surpreendendo-se com a dificuldade em realizá-lo e mais ainda com o resultado: ela passara e ainda por cima com uma excelente colocação.
Ansiosa com o que futuro lhe reserva, Lara aguarda o dia em que partirá  rumo à Inglaterra e de lá para a misteriosa Institute for Young Prodigy - ou Instituição para Jovens Prodígios.
Ainda na Inglaterra, Lara "conhece" os demais estudantes que estudarão na Instituição com ela - jovens inteligentes dos mais variados países ao redor do globo.
Alguns dias depois, eles enfim vão à Instituição; chegando lá, são recepcionados por Ilo Robinson, um senhor misterioso, reitor da Instituição, e que causa certa apreensão em Lara. Enquanto Ilo explicava-lhes como funcionava a Instituição e o que esperar dela, Lara distraíra-se ao conhecer e fazer amizade com outra estudante vinda do Brasil, a divertida Irene.
Começando a se sentir em casa por enfim encontrar alguém de seu país, com sua mesma cultura e costumes, Lara imaginava que não fora de todo uma má ideia ir à Instituição para Jovens Prodígios; porém ela mal sabia que tudo estava prestes a mudar...

"Lara não falara nada desde que acordara. Sentia-se péssima. Não pensava no que estava fazendo naquele momento. E sua família? E Irene que já considerava amiga? E Lucas, o cara que mais gostava dela?"
(Instituição para jovens prodígios - A seleção, L.L. Alves)

Com uma narrativa envolvente mostrando a vida e descobertas de uma adolescente comum como Lara, seus medos, expectativas e a experiência totalmente nova e única de aprender coisas que ela talvez nunca imaginasse, Instituição para Jovens Prodígios - A Seleção é o tipo de leitura que chama a atenção do leitor desde as primeiras páginas, seja por seus personagens palpáveis, pela história cativante, pelo suspense que ronda a Instituição, pelos toques certos de humor, drama, aventura... enfim, tudo que se espera de uma boa história.
Leitura mais do que recomendada ;)

312 páginas | 2° edição | 2013 | Compre o ebook pela Amazon clicando aqui